03/07/2017

E nós ganhamos! Repórter do Futuro recebe "Prêmio Abraji de Contribuição ao Jornalismo"

Nesta quarta edição, os homenageados fomos nós!

Sérgio Gomes, ao lado de amigos e representantes das instituições apoiadoras do Repórter do Futuro. Foto: Alice Vergueiro.
Por Cristiane Paião e  Ruam Oliveira

A cerimônia foi realizada na tarde desta quinta-feira (29) durante o 12º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo da Abraji. Para manter a "tradição", "Sérjão", como é conhecido pelos amigos, se negou a receber o prêmio sozinho. “Isso não é só para mim, mas para muito mais gente, é para o projeto Repórter do Futuro” afirmou, convocando os colegas que estavam na plateia para agradecer pelos mais de 20 anos da iniciativa que já contribuiu para a formação complementar de aproximadamente 800 estudantes de jornalismo.

02/07/2017

Como rastrear recursos desviados em fraudes?

No 12º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo da Abraji, Henrique Forssell, representante brasileiro da FraudNet (rede internacional de combate à corrupção e crimes financeiros ligada à Câmara de Comércio Internacional) deu dicas para os jornalistas rastrearem recursos desviados em fraudes. Confira na entrevista: 

Assista ao documentário "Carlos Wagner: o repórter na estrada", exibido na sessão solene do 12º Congresso da Abraji


Em 2017, a tradicional homenagem da Abraji à um jornalista, pelo conjunto de sua obra, foi dedicada a Carlos Wagner que se dedicou à carreira de repórter "da estrada", como gosta de destacar, no jornal Zero Hora, de Porto Alegre. 

Assista aqui ao vídeo exibido nesta quinta-feira (29) na cerimônia realizada no 12º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo da Abraji e se apaixone você também por este "intrépido" gaúcho.

01/07/2017

Jornalismo de qualidade em pauta no 12º Congresso da Abraji

Em três dias intensos, jornalistas, estudantes e especialistas brasileiros e de vários outros países trocaram experiências sobre fontes, acesso a dados, matérias especiais e bastidores de reportagens investigativas

Foto: Alice Vergueiro.
Por Milena Buarque

No 12º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo, cerca de 70 painéis, com mais de 150 palestrantes, trataram dos mais variados temas: de jornalismo de dados à cobertura de crises humanitárias, passando por gênero no jornalismo, whistleblowing, técnicas de investigação de empresas, entre outros assuntos.

Repórteres relatam desafio de cobrir transgêneros sem estereótipos

Renata Ceribelli e Bruno Della Latta falam sobre a série “Quem Sou Eu?”, inspirada na história de Alice no País das Maravilhas

Renata Ceribelli e Bruno Della Latta (TV Globo) em painel sobre o especial a respeito de transgêneros. Foto: Alice Vergueiro.
Por Pâmela Ellen

Retratar a realidade da população trans para além da violência, baixa expectativa de vida e questões relativas à sexualidade foi o desafio assumido pelos repórteres Renata Ceribelli e Bruno Della Latta. A dupla buscava uma temática que pudesse atingir o público mais velho e conservador, que não está no ambiente da internet, e viu então a possibilidade de contar múltiplas histórias sobre quem são e como se sentem os transgêneros no Brasil.